NOVEMBRO AZUL – COMBATE AO CÂNCER DE PRÓSTATA

Publicado em 03.11.2020 - Notícias - Sem comentários

O Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata é comemorado em 17/11, data que deu origem ao movimento Novembro Azul e que teve início na Austrália, em 2003. 

A campanha Novembro Azul foi criada com o objetivo de chamar a atenção dos homens para o autocuidado e, principalmente, para a prevenção e o diagnóstico precoce das doenças que atingem a população masculina.

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Ministério da Saúde, diariamente, 42 homens morrem em decorrência do câncer de próstata e, aproximadamente, 3 milhões vivem com a doença. É a segunda maior causa de morte por câncer em homens no Brasil, ficando atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Além do câncer de próstata, o Novembro Azul alerta para outros problemas de saúde comuns nos homens, como outros tipos de câncer, depressão e diabetes.

Saiba um pouco mais sobre o câncer de próstata

O que é a próstata?

É uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Localiza-se abaixo da bexiga e tem como principal função, juntamente com as vesículas seminais, produzir o esperma.

Sintomas do câncer de próstata

A fase inicial não apresenta sintomas. Quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, dificultando a cura. Na fase avançada, os sintomas são:

dor óssea;

dores ao urinar;

vontade de urinar com frequência;

presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Prevenção e tratamento

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos devem ir ao urologista para fazer uma avaliação do estado de saúde e realizar os exames, caso necessário.

Os exames preventivos são os principais meios para detectar a doença precocemente, quando as chances de cura são maiores e os tratamentos, menos invasivos.

Prevenção nunca é demais! Faça o acompanhamento com seu médico de confiança.

#CuidarÉSagrado

 

Com informações de: Ministério da Saúde / Instituto Nacional do Câncer / Sociedade Brasileira de Urologia